Esta sou eu...ás vezes perdida...ás vezes distraida,vagueando pelo mundo mas sempre no mesmo lugar...Esta sou eu, e este é o ...o meu outro lado...

30
Jun 06

Voltei!!!

Hoje não vou (como faço habitualmente) falar-vos das notícias que vão saindo, nos jornais ou revistas...

Estive a pensar e porque não contar-vos uma história de vida de duas pessoas que me são muito queridas?!

Pois bem, conheci a Florinda e a Carmélia quando ainda andava na escola preparatória, um amigo comum apresentou-nos, seria um acto vulgar não fossem elas duas pessoas especiais, pois estas duas amigas desde de muito cedo tiveram de se confrontar com o facto de serem deficientes motoras, o que impossilita elas de levarem uma vida considerada normal.

Mas estas minhas amigas de CORAGEM. nunca desistiram, aprenderam a ler, a escrever sem qualquer ajuda vinda do exterior. Isto só por si já seria motivo de orgulho, no entanto elas foram mais longe:

 A Florinda, dedica-se a fazer trabalhos em missangas que poderão ver ,se tiverem curiosidade, no site: www.inda.no.sapo.pt   tem dois blogs lindos onde divulga um pouco mais de si, e do que vai sentindo, e recentemente descobriu o quanto tem jeito para fazer montagens de imagens.

A Carmélia, enveredou por outros caminhos, dedica-se a fazer postais entre outros trabalhos, que poderão ver em www.carmelia.no.sapo.pt, site onde divulga um pouco dos Açores, do que somos entre outros assuntos. Vale a pena visitar.

Elas acabaram por mostrar que se queremos algo devemos lutar e nunca desistir dos nossos sonhos. No entanto, coloca-se aqui um entrave, elas só têm um computador para as duas, e torna-se dificil gerir o tempo pois cada uma quer dedicar o seu tempo aos trabalhos e aos seus sonhos...

Como poderemos ajuda-las?!

Sinceramente não sei, as ajudas são muito poucas e o nosso país é pequeno demais para alargar os horizontes e ajudar a quem precisa, a quem vive condicionado por essas pequenas coisas e pela sociedade que criamos.

Elas têm o direito de serem felizes, já que lhes foi retirada a liberdade de escolha... que lhes seja dada a oportunidade de poder sorrir todos os dias, e realizar os seus sonhos numa sociedade menos egoísta e preconceituosa.

P.S: Se souberem uma forma de ajuda-las, escrevam

 

 

 

publicado por perdida às 00:25

Muito obrigada por tudo amiga, adorei a reportagem, és mesmo uma jornalista em grande, continua assim que vais muito longe. e lembra-te que tenho muito mesmo de te agradecer em tudo. Beijinhos da amiga e cunhada Florinda
Florinda a 30 de Junho de 2006 às 18:09

Conheci a Carmélia na Net(MSN) á 1 ano, desde aí temos comunicado mtas vezes, como sou do continente não a conheço pessoalmente, mas sei k é uma pessoal mt especial, ela é um exemplo para todas as pessoas que teem deficiencias , é uma pessoa simples , sincera e amiga dos amigos.
o que mais me impressiona nela é a sua coragem e vontade de viver, há muitas pessoas na situação dela e da irmã, que não teem a força delas .
Acho k uma forma de podermos ajudar é divulgar , aki na net nos jornais e pk não na tv.Por mim podem contar com o que puder fazer.
Luis Beites a 16 de Julho de 2006 às 22:01



Luís quando a minha amiga falou que tinha um comentário teu, fiquei muito feliz. É mais uma prova que tenho um amigo a valer. Agora que tenho estado ausente por causa dos ossos não estarem bem, por falta de compreensão dos médicos . Sinto muitas saudades tuas, pois estou passado momentos de dores, mas foste o único que me mandou um e-mail a perguntar o porquê de minha ausência e que sentias minha falta. Pois duas semanas sem falar-mos e sentimos falta um do outro, muitos levem meses e anos sem perguntarem por mim. Pois também és o exemplo dos amigos. Obrigado a ti Luís e a dona d blog! Grandes amigos do coração! vocês são dos poucos e verdadeiros amigos que tenho. beijinhos e acreditem que nunca me esquecerei de vocês . Adoro-vos! Amiga Carmélia )
Carmélia a 17 de Julho de 2006 às 12:20

O que eu pretendia com isto era falar com as pessoas do outro lado porque assim não so tamos a conversar sobre outras coisas que aos outros não intresão .
-kp2bh5m e o meu texto que esta ali em baixo.~
homtem foi o dia dos anos da minha mãe.
que laro que so me apetecia oferecer predas a minha mãe e dar muitos beijinhos a minha mãe e ela a mim tive pena que o meu pai estivesse doente .
porque isso tambem me chateou no dia dos anos da minha mãe so qelaro escrevi varias coisas para minha mãe para ela ficar muito contente .
oi tambem sou da guarda e quero dizer que a minha mãe foi dar um passeio de bicicleta para descontrair e para se divertir muito mas como tinha aulas tive que ir mais sedo para a cama e que laro hoje nem queria acordar.
adeus .
sara a 31 de Outubro de 2007 às 23:26

Como nao podia deixar de passar isso ao meu lado,tenho por obrigaçao deixar o meu comentário.A Florinda e a Carmélia sao o maximo de duas pessoas,cheias de forças e vontade de viver,em como eu nunca vi em outras pessoas normais ou mesmo com defeciencia.É pena o nosso governo só se lembrar dessas pessoas na altura da campanha eleitoral e muitas das X nem se lembra delas.São pessoas como nós.Mas acrescento aqui e deixo ao apelo a todas as pessoas,que nao é um facto de consciencia ajudar,mas sim um dever de todos nos ajudarmos os mais fracos,nao podendo esses trabalhar,falar,ver,escrever,acamados,e etc...todos nos temos familia,todos nós temos amigos.E se um dia chegar a nossa porta?Alguém se vai lembrar de vosses?Aposto que nao,por isso vamos marcar a diferençae a ajudar no que pudermos ajudar.ADORO-VOS ás DUAS E Á DONA DESSE BLOG TAMBÉM.BEIJOCAS FOFAS.
João;) a 23 de Julho de 2006 às 03:22

João muito obrigado pelo teu apoio!
Concordo contigo! Nunca sabemos o dia de amanhã. Pois ser deficiente é ser diferente e igual,
Diferente: Diferenças em ter dificuldades no fazer o que os outros fazem, correr, saltar, fazer desporto, ir dar um mergulho num dia de sol, correr atrás da pessoa amada sem pensar que olha te diferente dos outros. Fazer uma vida normal podendo lutar e sonhar mais alto, em fim ser livre sem ter que precisar de alguém pra comer até, ser amado nem devemos pensar nisso porque hoje em dia olham mais no físico. Pois nem vêem isso que se esquecem de agradecer a Deus pelo poder no seu corpo.
Igual: No amar, saber ser amado, rir, brincar, apreciar o que é belo, ser bom ou mau. Pois agradeço a Deus o bom que tenho mesmo deficiente.
Amigo, nunca deixes de ter bom coração! Beijocas da amiga
Carmélia a 27 de Julho de 2006 às 19:30

Só posso mesmo ter ORGULHO em ti e na tua mana, miga!!!Têm me demonstrado que devemos lutar sempre pelo k acreditamos e nunca desistir de nada;)Oxalá a sociedade mude...e haja um lugar pra vocês no mundo como já há nos corações dos vossos amigos verdadeiros...Tenho Fé e Esperança que sim!! bjnhs e Fiquem bem* Pessoal desculpem estar a comentar o meu proprio blog
perdida a 28 de Julho de 2006 às 11:56

Junho 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

19
22
23
24

25
26
27
28
29


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
MAD WORLD
width="180" height="180">
blogs SAPO